Header Ads

Silas Malafaia pede desculpas a jornalista Eliane Brum

Devido à repercussão da entrevista concedida ao jornal The New York Times, em que usou o termo “tramp” (vagabunda) para se referir à jornalista Eliane Brum, o Pastor Silas Malafaia usou seu perfil no Twitter para esclarecer a situação.



No microblog, Malafaia disse que “errar é humano”, e que havia procurado a jornalista para esclarecer o mal-entendido: “Após o mal-entendido, enviei um e-mail para Eliane Brum, esclarecendo o fato e pedindo as devidas desculpas”.


Silas malafaia é o pastor campeão das desculpas, parece que o perfil dele é sempre de agir impulsivamente, oque muitos tem o rotulado como intolerante e que não gosta de ser contrariado, isto ficou claro quando meteu a lenha em cantores gospel por não atender seus pedidos de retalhação aos gays.

Quando houve este acontecimento como nenhum dos cantores respondeu a mensagem pública, o Pastor Silas iniciou um ataque com fortes críticas aos famosos após os ministros votarem a favor da união gay: “Obrigado pela omissão de vocês em não [dar] RT (ato republicar uma mensagem, na linguagem do Twitter) para conclamar o povo de Deus a pressionar os ministros do STF num assunto tão fundamental que favorece os homossexuais.

Se Twitter é para mostrar fotos e agenda é melhor acabar porque não presta pra nada”, enviou para todos os cantores, e completou: “Vamos usar o Twitter para algo proveitoso no Reino de Deus, e não para futilidades
Quando ela respondeu as criticas ele ainda disse, Sei que ela é serva de Deus. Mas sei que ela está terrivelmente equivocada nos seus conceitos” e completou: “Ana Paula Valadão, amigo é aquele que diz a verdade.”

Veja o histórico das  últimas desculpas dele:


O pastor não economizou palavras para defender seu ponto de vista e fez questão reafirmar que Ivaldo é "bandido" e "idiota". "O cara me chamou de homofóbico. Para mim quem me chama de homofóbico é bandido, é idiota". Questionado se não teria medo de ser processado em virtude das declarações, Malafaia foi enfático. "Chumbo trocado não dói". Malafaia ironizou . "Eu até agradeço ele (Ivaldo Rodrigues). Ele fez uma publicidade de graça para mim. A coisa só não deu certo quando ele me chamou de homofóbico
O pastor Silas Malafaia participou de um debate com vereador Ivaldo Rodrigues na Rádio Capital. A polêmica envolveu conceitos de homofobia.
Arrependido de ter chamado Ivaldo Rodrigues de "bandido" e a vereadora Rose Sales de "frouxa" , o pastor "MAL FALADO" suplicou  perdão "em Nome de Jesus" ao Vereador Ivaldo Rodrigues.



No video acima Silas Malafaia chama Marina de dissimulada e diz porque votou em serra:

Aconteceu em Brasília (17 a 19/07/08), durante o Congresso Passando o Manto com líderes da Visão celular como: Apóstolo René Terra Nova  Apóstola Valnice Milhomens e Profeta Dr.Morris Cerullo e Rev.



Dr. Mike Murdock, entre outros, o pastor assembleiano Silas Malafaia, que dizia nunca dividir o mesmo altar com gedozistas, mas que junto com nossos pais apostólicos em tudo quanto é congresso da Visão, sobe o mesmo altar mais uma vez e pediu em público diante de uma tremenda e apostólica multidão, PERDÃO a Apóstola Valnice Milhomens  pelas ofensas, agressões verbais e calúnias que liberou durantes muitos anos a Ap.



Este video acima  mostra como o discurso de Silas Malafaia mudou drasticamente.

Nenhum comentário

Comentar é livre, criticas serão aceitas sempre, mas comente com responsabilidade, palavras de baixo calão, palavrões e imoralidades terão os comentários excluídos.