quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Acredita em inveja e olho gordo ?


Se os olhos são expressões da alma, o que podemos dizer com relação aquelas pessoas que até quebram objetos e deixam pessoas doentes e no qual chamamos de olho-gordo.


Essa é uma magia poderosa, que sai através do olhar, muita das vezes aquele que detém o mal olhado nem sabe que provoca todo esse mal. É um vampiro de energia que suga tudo que gostaria de ter.
Cada um tem sua fé e sua maneira de lidar com estas energias,alguns usam amuletos,outros usam oração ou rezas.


Até um padre, o padre Marcelo Rossi,disse algum tempo atrás que estava preso a uma cadeira de rodas por ser vítima de invejosos.
Ele disse  que o olho-gordo lhe causou um  edema ósseo que surgiu em seu joelho esquerdo e o deixou pelo menos duas semanas sem colocar os pés no chão. "Tenho que fazer orações contra a inveja", afirmou o religioso ao jornal Folha de S. Paulo.

O olho humano tem um potencial de emitir energias que podem intensificar ações ocultas, Um olhar penetrante e bem dirigido, pode reforçar muito uma mensagem ou um ensinamento e muitas vezes sem palavras já conseguem passar uma informação.
Portanto, grande parte da energia gerada por nossos processos internos - como nossos pensamentos e sentimentos - são emitidos pelos olhos para o mundo exterior, Além de ser olhos o espelho da alma,
Muitos seres interiormente desequilibrados emitem, através do seu olhar a energia que habita em seu interior.


 E quando esta energia é negativa, saem por aí matando plantas, murchando bolos, causando problemas em crianças pequenas, quebrando objetos, enguiçando máquinas, e provocando até doenças e muito mal estar em suas vítimas.
Poderíamos considerá-los vampiros de energia e estão ligados aos baixos desejos, à mesquinhez, ao egocentrismo e a uma série de assuntos internos mal resolvidos.
Gostam de estar sempre por perto e sabedores dos acontecimentos, são solícitos e companheiros, utilizando-se do recurso da aproximação.



Os possuidores de Olho Gordo são pessoas em permanente estado de descontentamento e que têm complexo de inferioridade (mesmo que camuflado), uma vez que não se julgam capazes de conseguir por si mesmos o objeto de sua cobiça.
Seguem a vida lamentando-se de sua má sorte, mas nada fazem pra construir uma vida mais feliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentar é livre, criticas serão aceitas sempre, mas comente com responsabilidade, palavras de baixo calão, palavrões e imoralidades terão os comentários excluídos.