quinta-feira, 18 de abril de 2013

Dissecando a obra de Michelangelo

Teria Michelangelo (1475-1564) escondido desenhos secretos em suas pinturas? Existe alguma mensagem oculta no teto da Capela Sistina?


Uma recente pesquisa revelou que há misteriosos  desenhos de órgãos do corpo humano em diversas obras de Michelangelo.
Michelangelo dissecava cadáveres e tinha profundos conhecimentos de anatomia, nesta imagem da pintura a criação de Adão ou popularmente o dedo de Deus percebemos a anatomia do cranio humano e a partir desta obra de Michelangelo e de outras foi a chave para desvendar este segredo.


Foi em 1990  que um neurologista americano identificou uma semelhança muito grande entre uma parte da cena da criação de Adão e um corte longitudinal de um crânio humano, que estaria representado pelo manto, dentro do qual se encontra a figura do criador.


Pintura de Michelangelo O dilúvio universal

a árvore seca que está à esquerda da cena da criação de Eva representa uma ramificação brônquica, sendo a “pista” para essa interpretação a atitude de várias figuras “que repousam as mãos sobre o tórax”
e assim chamam “a atenção para essa parte do corpo”. Baxandall (1991), em um livro exemplar a respeito de como interpretar pinturas da Itália do século xv, faz uma contextualização dos gestos da época
a partir de textos e gravuras e, a partir disso, propõe interpretações de algumas pinturas.



Sua interpretação foi publicada em um artigo científico em 1990. No início de 2003 o médico cirurgião Gilson Barreto, formado pela Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp, tendo conhecimento deste artigo, decidiu analisar as demais cenas do teto da Sistina.


Surpreendentemente, identificou outras correlações entre partes das cenas do teto e peças anatômicas de órgãos internos do corpo humano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentar é livre, criticas serão aceitas sempre, mas comente com responsabilidade, palavras de baixo calão, palavrões e imoralidades terão os comentários excluídos.